Quem pode participar?

A MOP 2012 é aberta a alunos matriculados em 2012 no 8º ou 9º ano do ensino fundamental, médio ou técnico de escolas públicas e particulares do Estado de São Paulo. É necessário ter entre 14 e 21 anos.
Os projetos pode ser individuais ou em grupo de dois a três alunos, devem ter um professor orientador com mais de 21 anos de idade (e opcionalmente, um coorientador maior de 18 anos) e se enquadrar em uma das Categorias das Ciências e Engenharias.



Como participar

  1. TEMA: Para montar seu projeto, o primeiro passo é definir o tema. Identifique problemas que gostaria de resolver, fatos, fenômenos e/ou situações que deseja entender melhor. Decida se irá conduzir o projeto individualmente ou em equipe de no máximo 3 estudantes, e escolha o tema de seu projeto.
  2. DIÁRIO DE BORDO: Providencie um caderno para servir de diário de bordo do projeto. Este diário de bordo será utilizado para registrar e organizar cronologicamente todas as informações do seu projeto, desde as suas primeiras ideias e reflexões para a escolha do tema.
  3. PLANO DE PESQUISA: Planeje sua pesquisa. Elabore seu Plano de Pesquisa que deverá conter os seguintes itens: título do projeto, questão ou problema identificado, hipótese científica ou objetivo de engenharia, descrição detalhada dos materiais e métodos (procedimentos) que serão utilizados para verificar a hipótese científica ou para atingir o objetivo de engenharia e a bibliografia principal que você vai utilizar.
  4. ORIENTADOR / COORIENTADOR: Discuta e aprimore seu plano de pesquisa com o seu professor orientador. Em alguns casos, você e seu orientador podem chegar à conclusão de que será necessário ter também um coorientador (algum outro professor ou profissional especialista de alguma área envolvida no projeto) para ajudar a aprimorar o plano de pesquisa e a acompanhar e orientar o desenvolvimento do projeto.
  5. QUESTÕES ÉTICAS E DE SEGURANÇA: Não se esqueça de verificar com seu orientador se alguma regra especial aplica-se ao seu projeto, antes de qualquer experimento (Confira o Regulamento, Questões Éticas e de Segurança).
  6. DESENVOLVIMENTO: Conduza seu projeto, de acordo com o seu plano de pesquisa, seguindo o Método Científico ou de Engenharia. O projeto deverá ser conduzido por você (ou por uma equipe de no máximo 3 estudantes) sob o acompanhamento e a orientação de seu professor orientador /coorientador. Lembre-se que todo o andamento de seu projeto deverá ser registrado por você em seu diário de bordo.
    Ao longo do desenvolvimento, registre todas as etapas realizadas, anotando detalhada e precisamente todos os fatos, passos, observações, descobertas, indagações, investigações, entrevistas, testes, resultados e análises.
    Levante as fontes de informação, em livros, jornais e na internet, desde que você se certifique da confiabilidade do site. Seja qual for a fonte, não esqueça nunca de anotar os dados completos do local em que encontrou cada informação a ser utilizada na pesquisa, para citar todas de forma adequada.
  7. RELATÓRIO: A partir de todas as anotações do seu diário de bordo, elabore o relatório do seu projeto. Você deverá descrever de forma detalhada o desenvolvimento do projeto, os resultados alcançados e as suas conclusões. A estrutura básica recomendada para o relatório deverá conter: folha de rosto, sumário, resumo do projeto, introdução, objetivos e relevância do trabalho, desenvolvimento do projeto, resultados, conclusões e referências bibliográficas.
  8. ENVIAR O PROJETO: Após o término do projeto, envie o Plano de Pesquisa, Relatório e Resumo, preenchendo a ficha de inscrição disponível no site (Veja Como submeter). Agora é só torcer e aguardar a divulgação dos finalistas!

Participação do finalista

Os estudantes finalistas devem apresentar-se na MOP 2012, durante os dias 6, 7 e 8 de dezembro para expor seus projetos. Durante o evento o Comitê de Avaliação avalia as competências e conhecimentos escolhendo os primeiros, segundos e terceiros lugares de cada categoria que recebem certificados, medalhas e troféus. O Comitê de Avaliação poderá ainda credenciar finalistas para a Feira Brasileira de Ciências e Engenharia FEBRACE 2013.

A avaliação é feita por meio da apreciação detalhada de todo o material produzido pelo finalista (diário de bordo, relatório, pôster, maquete ou protótipo), bem como sua apresentação oral e desenvoltura em responder questões formuladas pelo avaliadores.